Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 26 DE MAIO DE 2018

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  25/05/2018   Até quando exportaremos petróleo e gás e importaremos combustíveis? - A greve dos caminhoneiros e o enorme prejuízo que isto está causand...     25/05/2018   STF autoriza uso de força para desbloquear rodovias e impõe multa a quem descumprir decisão - Decisão é do ministro Alexandre de Moraes, ...     25/05/2018   Cadê o Trem? - O recente protesto dos caminhoneiros contra o aumento excessivo dos combustíveis levou vários comentaristas das mídias a t...     25/05/2018   Males do monopólio - Não dá para dizer, sem mais, que o lockout dos caminhoneiros é uma ação da direita ou está sendo por ela impulsionad...     25/05/2018   PRIVATIZAR E REDUZIR IMPOSTOS - A paralisação dos caminhoneiros no Brasil, que afeta a todos nós, é um recado para que paremos de apenas ...     25/05/2018   Temer decreta Garantia da Lei e da Ordem em todo o país - Segundo o ministro da Segurança Pública, também será autorizada a requisição de...     25/05/2018   GREVE DOS CAMINHONEIROS, A PONTA DO ICEBERG - O atual caos gerado pela greve dos caminhoneiros aflora a inexistência de um planejamento s...     25/05/2018   DEPENDÊNCIA RODOVIÁRIA - A suspensão do movimento grevista não diminui a necessidade da busca de soluções sensatas e da revisão das opçõe...     24/05/2018   Corpus recebe os primeiros caminhões 100% elétricos de sua nova frota na China - Indaiatuba (SP) — A Corpus Saneamento e Obras, empresa 1...     24/05/2018   Corpus, primeira empresa do mundo a adotar frota de caminhões 100% elétricos - Indaiatuba (SP) — A Corpus Saneamento e Obras, com sede no...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

16/05/2018

Para diretor-geral da ANP, mudanças regulatórias destravam investimentos

Política

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

?

0 votos

O diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo (ANP), Décio Oddone, acredita que as mudanças regulatórias realizadas nos últimos dois anos no setor de petróleo e gás natural já mostram resultados e têm potencial de gerar investimentos de R$ 845 bilhões até 2027, considerando os projetos em desenvolvimento. A produção de petróleo no Brasil pode subir para aproximadamente 5,5 bilhões de barris diariamente, contra cerca de 2,8 bilhões por dia atualmente, no período.

A avaliação foi feita em reunião do Comitê de Petróleo e Gás Natural, na Abdib, dia 24 de abril, cujo objetivo foi discutir os avanços regulatórios e as perspectivas econômicas derivadas dos leilões de blocos exploratórios de petróleo e gás natural.

Para Oddone, as empresas fornecedoras de bens e serviços serão beneficiadas com a mudança regulatória, incluindo a redução de índices de conteúdo local, e com a tendência de crescimento na atividade petrolífera.

Ele lembrou que toda a discussão e tomada de decisão foi conduzida no Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), mas que acredita que é muito melhor contar com obrigações percentualmente menores de conteúdo local em um cenário de enormes volumes de contratações e investimentos do que o inverso, com índices mais elevados e base de negócios menor. Ele disse que há momentos em que é necessário “passar a régua” e “olhar para frente” aproveitando as oportunidades.

Regulamentação do ‘waiver’ – Outro assunto abordado pelo diretor-geral da ANP no encontro com empresários da Abdib foi a regulamentação do “waiver”, perdão para compromissos de conteúdo local não cumpridos pelos operadores nos contratos de concessão.

Oddone disse que ANP tinha de regulamentar o mecanismo, mediante exigência do TCU e com o limite de diretrizes postas pelo governo federal, de estabelecer regras tanto para o passivo existente quanto para os contratos futuros. Ele argumentou que, apesar das reclamações de todos os lados, houve ampla consulta aos agentes setoriais e que a nova regulação é preferível à judicialização da questão, o que interromperia investimentos e contratações de bens e serviços.

Oportunidades desperdiçadas – O diretor-geral da ANP disse ainda que há jogadores diferentes para cada tipo de exploração – campos no pré-sal, marítimos convencionais e terrestres – e que cabe às autoridades construir o ambiente regulatório e os incentivos eficientes para aproveitar as oportunidades e permitir o surgimento de mais operadores e indústrias no Brasil. Lembrou que há potencial de encomendas para fornecedores locais de bens e serviços para campos maduros e que a agência reguladora trabalha para que este potencial seja aproveitado.

Décio Oddone lamentou a interrupção em 2007 de rodadas anuais de concessão de blocos exploratórios. O período sem leilões regulares (2008 – 2012) proporcionou redução da atividade de exploração e produção de óleo e gás no Brasil. Análise econômica da ANP apontou que a exclusão de 41 áreas exploratórias da 9ª rodada em 2007 provocou a postergação ou perda de R$ 1 trilhão em investimentos, participações governamentais e arrecadação tributária – “a maior oportunidade perdida em uma geração”.

 

Por www.abdib.org.br

 

Link(s) Relacionado(s): www.abdib.org.br 

 

Qual a sua avaliação?

0 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

Justiça mantém decisão da ARTESP de anular aditivo contratual da Vianorte

Temer vai reunir ministros para discutir preço dos combustíveis, afirma Minas e Energia

Justiça aceita recurso da Anac e mantém execução de dívidas de Viracopos durante processo de recuperação judicial

CAP Porto Alegre realiza reunião

TCU adia julgamento de renovação de contratos no Porto de Santos

Até quando exportaremos petróleo e gás e importaremos combustíveis?

STF autoriza uso de força para desbloquear rodovias e impõe multa a quem descumprir decisão

Cadê o Trem?

Males do monopólio

PRIVATIZAR E REDUZIR IMPOSTOS

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística